Thiomargarita namibiensis – a gigante das bactérias

T. namibiensis é a maior bactéria do mundo e pode ser vista a olho nu! Ela tem cerca de meio milímetro e foi descoberta em 1997 no litoral da Namíbia. Ela é quimioautótrofa, ou seja, utiliza compostos químicos inorgânicos tanto para a produção de carbono quanto de energia.

Seu nome significa ‘pérola sulfurosa da Namíbia‘. Isso se deve à presença de grãos microscópicos de enxofre dentro da sua célula, o que a faz brilhar quando em contato com a luz.

Por muito tempo se acreditou que todas as bactérias fossem microscópicas pois se fossem grandes demais, a membrana plasmática não daria conta das trocas químicas necessárias, e a célula morreria (lembrando: bactérias são seres unicelulares). Cientistas devem ao tamanho excepcional desta bactéria o fato de seus ribossomos (estruturas encarregadas da produção de proteína) serem maiores. Aí está uma foto da gigante:

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s